• Excelente forma de demostrar o “carinho” pelo tal do salvador!

  • t-t-t-tenso o-o pobre… Jesus… meda!!

  • De uns anos para cá comecei a me fazer essa pergunta. Temos uma adoração por um instrumento de tortura.

  • É tem bastante sentido nisso nota 7,5.

  • E quem teria medo de cruzes senão o próprio satanás? Ou vampiros? (e lá vai Jesus pra fogueira)…

  • Nisso, e somente nisso, os evangelicos/crentes tem razão.

  • @Elton

    Na real evangélicos usam a cruz, porém sem a imagem de jesus.

    Acho q a tirinha vale para cristãos em geral. Mto boa =)

  • Falando nisso: semana que vem já chegou! Cadê os top 20 do concurso “Jesus sorria mais”?

  • Por falar em tortura… Já pensou se Jesus tivesse sido empalado ou enforcado ou esquartejado ao invés de crucificado?
    Imagina os altares das igrejas…. putz!

  • Ou então na cadeira elétrica, as igrejas teriam que pendurar cadeiras elétricas na parede.

  • KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK, FICOU MASSA .

  • Jesus não teme a cruz, e nenhum de nós deve temê-la. A Paixão de Cristo é o instrumento de cura e libertação da humanidade, o preço que Jesus pagou pela nossa salvação. Não havia outro modo, revelado pela passagem onde fala: “Pai afasta de mim esse cálice, mas faça segundo a vossa vontade”. Ninguém na terra sofreu tanto, tudo isso por nós. A cruz é sinal do amor de Deus para conosco e da nossa salvação.

  • Se seu filho/pai/mãe/parente/amigo morresse de acidente de carro que deixasse todo amassado com pedaços do corpo meio espalhados seria legal deixar uma foto em cima da mesa para lembrar né. Ahhh é feio deixar pedaços do corpo, então deixa só a foto do carro retorcido para lembrar como morreu….
    É a mesma lógica da cruz. e
    Bom, o exemplo do carro não foi o melhor, pois hoje em dia até iria vale a pena para as pessoas a dirigirem com mais cuidado.

  • Está um pouco mais ácido ultimamente ein Ruas? Eu gosto!

  • Quem disse que evangelicos usam a cruz???
    e como assim apenas nisso tem razao Elton ????

  • @Rafael

    Sinal de amor??se sua mãe levasse um tiro, vc andaria com uma arma no pescoço como sinal de amor a ela?

  • Meio triste que usemos um simbolo de tortura para lembrar de alguém. Sei lá, os cristãos podiam ter criado um outro símbolo, alguma outra coisa com um peso menos carregado de sofrimento, apesar de eu entender por que a cruz foi escolhida no final das contas.

  • A cruz é simbolo de ascensão espiritual, siguinifica o Homem tornado buscando Deus, evoluindo moral e espiritualmente.
    Era usada já no Egito antigo com esse mesmo significado, até mesmo por esse motivo, para caçoar das crenças da época que os romanos passaram a utiliza-la como meio de tortura.
    As igrejas a utilizaram em seu significado original, demonstrando a divinação de Cristo, e não como simbolo de sofrimento como muitos acreditam hoje em dia.

  • Jesus temeu a cruz? SIM
    Jesus poderia ter escapado da cruz? SIM
    Jesus escolheu fugir da cruz? NÃO

    É este ato de entrega, renúncia e salvação que resume o significado da cruz dentro da fé Cristã. Se ele ESCOLHEU morrer assim, algum sentido maior nesta escolha deve ter, não?

  • Wolfgang :
    Ou então na cadeira elétrica, as igrejas teriam que pendurar cadeiras elétricas na parede.

    asuhuashuashasuhuashasuhasuh, decoração sinistra

  • Se JFK voltasse, com certeza não gostaria de ser recebido por um monte de gente portando rifles sniper!

  • @Wolfgang

    Cadeira Elétrica tava em falta me 33 DC..

    como dito, quem foge da cruz é o satan, A.K.A Luci ..

  • Não sou religioso, mas dessa vez achei equivocada e de pouca alteridade a crítica enseja pela tirinha. A idéia do crucifixo como simbologia cristã é justamente evocar a dor e o sofrimento que por ter sido, em tese, afligidas, em nome de todos, se convertem em um ato de amor. A cruz seria, portanto, um simbolo de tortura, sim, mas pelo significado e motivo desta, também um símbolo de amor. E exatamente por isso, não creio que as comparações de mortes ordinárias – no sentido de comuns (como as da mãe no acidente de carro) – feitas nos comentários sejam uma análogia adequada. Se uma pessoa querida se sacrifica em seu nome, o relembrar deste ato é algo que deveras evocaria glória e amor, ao menos em minha opinião. Enfim, a piada não me ofende, mas acredito que a alguns pode fazê-lo. Acho que gostava mais do blog quando era menos tendencioso. De qualquer forma, parabéns pelo trabalho. É impossível agradar gregos e troianos!!

  • Na verdade os cristão não adoram nenhum tipo de imagem ou simbolo. A Cruz para nós cristãos é sentido de libertação e não te tortura e morte como alguns dizem, foi pela Cruz que Deus nos libertou do pecado… mas ainda é muito difícil algumas pessoas terem este entendimento. Oramos por todos para que Deus de entendimento e ajude a abrir o coração de tantos.

  • Tão óbvio e ninguém havia pensado nisso.

  • Sou católico e não me sinto ofendido por esta tira ou pelo site. Mas vejo que não há compreensão do significado da cruz. Como disseram, Jesus se dispos a enfrentar a cruz/morte para salvação dos homens. Onde quem não é cristão vê apenas dor, abandono, nós, cristãos, vemos entrega e amor. Jesus não foi um homem sacrificado por nós. Foi o próprio Deus que veio à Terra e se sacrificou para salvar os homens do pecado, por amor. A sexta-feira da paixão é uma celebração mais pesada que relembra este momento. A páscoa já é uma celebração mais alegre, sendo a principal festa cristã (por ela nós celebramos o dia consagrado a Deus no domingo, não no sabado, como os judeus), que representa a vitória de Cristo sobre a morte e os pecados.
    Há outros símbolos cristãos: o peixe, o pão, a vela, o incenso, a manjedoura, o ovo, etc. Mas a cruz é o símbolo máximo do amor de Deus.

  • Diz que adora o salvador, mas usa um instrumento de tortura no pescoço!

  • Nooooooooossa… Uma das melhores tirinhas… e os comentários entao.. nem se fala… parabéns… SENSACIONAL..!!!!

  • Afastem-se!-gritou Freud
    -Sou psicólogo e posso resolver o problema dele!
    Quando foi que você começou a ter trauma de cruzes?
    Jesus responde:
    -logo depois de salvar a humanidade.

  • Preguiça de pensar do pessoal ou simplesmente fanatismo em achar genial tudo o que Ruas posta. A tirinha tenta ser cômica, mas é imbecil. Não sou religioso, tampouco cristão, mas entendo muito bem o simbolismo que a cruz representa nessa religião. Qualquer um que fizer o mínimo esforço entenderia.

  • Sempre pensei que lembrar Jesus pelo objeto de sua morte em sofrimento é desumano e um pouco sádico. Lembrar pelas coisas boas não seria melhor?

  • Gostei da tirinha, mesmo que o pessoal encontre motivos para adorar a cruz (fosse eu o marketeiro em 33 DC, eu usaria peixe e pão), Jesus com certeza ficaria incomodado ao vê-las. Pior que isso, talvez não gostasse de ser visto como um branco de olho azul, sendo que muito possivelmente ele tinha cara de árabe.

    Numa escala bem menor (analogia, pessoal, analogia), você sabe que tem que tomar vacina por um bom motivo, vai lá, é picado, e vai embora. Você gostaria de ver seringas exibidas pra todo lado depois?

  • Essa tirinha vai bem na linha da campanha do Ruas Jesus Sorria Mais. Não tem ninguém que goste de ver o objeto que o torturou, e não imagino que Jesus seria exceção, caso contrário ele não seria Deus vindo como homem e sim apenas Deus.

  • Poxa, Jesus fez tanta coisa boa no mundo… e as pessoas escolheram logo o meio pelo qual ele morreu pra simboliza-lo. Que maldade ;-;

  • @JJT

    Mas Jesus provavelmente também não morreu em 33 D.C. Nossa contagem de anos é toda confusa e o calendário gregoriano atual só foi adotado oficialmente em 1582, então ninguém sabe ao certo a data da suposta morte de Jesus ou mesmo de seu nascimento.

  • vamos lá, vai meu comentário acho que muitos comentátios foram tendenciosos demais ,a Cruz não demonstra o amor de Deus ,mas sim Jesus ,a Cruz representa a Justiça ,e que para pagar pelos pecados Deus amou o mundo porque enviou seu Filho para sofrer a sua própria Justiça em vez da humanidade , acho que Jesus teve MUITO mais coisa do que sua morte, só que por exemplo os “crente” que os ateus ficam chamando de “crentalhos” falam que Deus vai te abencoar e vc não vai passar nehuma dificuldade ,sendo que o próprio Deus passou pela morte ,porque eu não posso passar por uma situação dificil ?

  • Sim, o filho do deus Onipotente, Onipresente e Onisciente morreu pra nos salvar. Não tinha outro jeito.

    Será que não é obvio como isso é ridículo? Ainda mesmo com todas as justificativas dadas. Das que deus não tinha poder pra pegar as chaves do inferno sozinho, até que deus curtia muito um sacrifício de cordeiro, mas não precisava mais porque agora o sacrifício tinha sido o filho. Dentre outras.

    Vou repetir: Onipotente, Onipresente e Onisciente.

  • tem gente qe usa cruz mas eu (se tivesse) uzaria o colar do “peixe” de jesus só que não compro para usar porque já sou de peixes (pisciano)

  • pelo que o povo aqui tá falando, existe a veneração da cruz pela própria existência da cruz, e o Jesus todo f… pendurado nela é só penduricalho. Piorou muito a situação.

  • Ele não fugiu da Cruz ! Ele a quis para nos salvar!

  • @Wal

    Total, cara. Um Deus onipotente que “não pode” fazer alguma coisa é ridículo (mas também é ridículo um Deus onisciente e onipresente que pergunta “Adão, onde você está? O que fez?”, quando já sabe que o cara comeu o fruto proibido e está se escondendo por vergonha da nudez, mas enfim).

    Mas eu vejo esse lance do “sacrifício” mais como uma forma (meio bizarra, mas eficaz) de gravar a mensagem na cabeça das pessoas, saca? Tipo, Maomé teve por aqui, falou, falou e poucos acreditam nele, mas até os muçulmanos reconhecem o valor de Jesus como um grande profeta só porque o cara deu um jeito de morrer macabramente e ressuscitar depois, essa que foi a grande jogada! Lembrando dele, as pessoas lembram do que ele pregou, até os dias de hoje!
    Acho a bíblia um bonito livro de ficção, e só. Mas a mensagem final “amai aos outros como a ti mesmo” tá fazendo falta por aqui. Pena que nem os que carregam cruzes no pescoço colocam isso em prática, e olha que era o mais importante!
    Acho que a mensagem foi bem gravada, com todo aquele lance de crucifixão e ressurreição, mas não foi entendida. Uma pena.

  • Gosto do site, e entendo seu humor. Sou católico e de modo algum me senti ofendido pela tirinha. Mas ela contém um erro, que induziu os leitores ao mesmo erro.
    De fato, Jesus não desejava a cruz. Era o castigo mais vergonhoso da época. Seu desejo era ser fiel ao Pai, até o fim; e o desejo do Pai era a redenção. A cruz foi consequência da pregação e das ações de Jesus Cristo, que desagradaram os líderes da época.
    Cristo redimiu nossa infidelidade por sua fidelidade. Por ter se humilhado e sido tão obediente, o Pai o exaltou pela Ressurreição. Os discípulos, entusiasmados com a proposta do Reino e com a experiência com Cristo Ressuscitado, começam a pregação, não por causa da cruz, mas apesar dela. Pela Cruz, por sua morte, Cristo nos deu vida. Na Cruz Cristo não foi derrotado, mas foi vitorioso. E por isso exaltamos a cruz. São Paulo afirma: “Mas nós pregamos a Cristo crucificado, que é escândalo para os judeus, e loucura para os gregos”. (1 Cor 1,23). Ainda hoje a cruz continua sendo escândalo e loucura para o mundo. Pregamos Cristo crucificado, mas também ressuscitado. Não há como passar pela Ressurreição sem passar pela Cruz! Ainda São Paulo diz: “Cristo Jesus, que morreu, ou melhor, que ressuscitou, que está à mão direita de Deus, é quem intercede por nós!” (Rm 8,34). Por isso, afirmamos, com a música: “Salve ó Cruz Libertadora!”

    E só pra constar: este meu comentário é um pouco da doutrina que conheço e acredito. Não é pra ser visto como dono da verdade, e nem como a palavra final. Não é pra criticar o site, nem a tirinha, nem o autor. Não é pra ofender ou converter ninguém. Peço perdão se em algum momento dei a entender isso. E para os que não concordarem comigo, nem acreditarem no que acredito, ou quiserem apontar defeitos/limitações meus ou da minha Igreja, não se engane: eu conheço todos eles (os que são verdadeiros, é claro), não preciso que me diga. Continuarei cristão católico, consciente da minha Fé, de mãos dadas com a Razão.
    Paz a todos!

  • Sabe que SEMPRE pensei a mesma coisa?

  • Kra na boa – tu é muito otário.

  • Pingback: Jesus, o retorno - Bandeira Dois

  • @Vinicius

    Parabéns, gostei muito do seu comentário, expôs sua opinião de forma clara e sem ofender ou “gritar” com os outros…. Gostaria de ver mais pessoas assim nos foruns…

  • @Paulo Henrique
    Agradeço por seu comentário.
    De fato, a única coisa que nos conduz em um caminho tranquilo é o diálogo respeitoso. Temos limites e é importante saber disso. “Não possuímos a Verdade, é Ela que nos possui”, nos diz Bento XVI. Essa certeza é primária para qualquer ser humano poder se relacionar com o mundo.
    Obrigado mais uma vez!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *